Pequenas ações, grandes causas

O projeto de autonomia e flexibilidade curricular “visa a promoção de melhores aprendizagens indutoras do desenvolvimento de competências de nível mais elevado […] permitindo a gestão do currículo de forma flexível e contextualizada”. Com base neste princípio, as turmas A e B do 7.º ano estão a desenvolver um trabalho interdisciplinar, integrado nos Domínios de Autonomia Curricular (DAC), cuja abordagem permite uma reflexão subordinada ao tema “Direitos Humanos”.

Este projeto, que integra as disciplinas de Cidadania e Desenvolvimento, EMRC, Português e TIC, privilegia o trabalho prático e o desenvolvimento das capacidades de pesquisa, relação e análise. Entre outras atividades, os alunos associaram-se à iniciativa “Maratona das Cartas”, promovida pela Amnistia Internacional, cuja ação visa a elaboração de cartas contendo mensagens dirigidas a pessoas privadas da salvaguarda dos seus direitos fundamentais ou, em alternativa, às entidades com poder para inverter tal situação.

Este ano, a Amnistia Internacional selecionou cinco casos de jovens que se encontram detidos ou que são perseguidos e a quem é negado o direito à Liberdade. São jovens de países como o México, o Sudão do Sul, a Grécia, o Irão e as Filipinas.

Os alunos tomaram conhecimento de cada caso e, após uma análise dos mesmos na disciplina de Cidadania e Desenvolvimento, redigiram, na disciplina de Português, cartas para, através desta pequena ação, manifestar solidariedade para com as vítimas ou sensibilizar os responsáveis para que os seus direitos sejam garantidos.

Com o objetivo pedagógico da promoção da união e mobilização por causas nobres, a atividade foi realizada numa aula comum às duas turmas, na Biblioteca Escolar, com a presença e orientação das docentes de Cidadania e Desenvolvimento e Português, Mónica Almeida, Bibiana Monteiro e Lília Gonçalves.

Podemos concluir, sem medo de errar, que são pequenos gestos como este que fazem a diferença, pois desta forma mobilizamos os nossos jovens, capacitando-os com os conhecimentos, as atitudes e os valores que precisam para exercer os seus direitos e defender os seus direitos e os dos outros.

Clube de Jornalismo

 

 

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *